Páginas

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Termo de Acareação


5 comentários:

  1. Advogado Queresma - acompanho este caso Bruno porque não gosto da forma que a imprensa trabalha com sensacionalismo. Digo isso porque sou jornalista. Tem coisas nesse caso que me deixam muito curiosa e talvez o sr possa me esclarecer - Primeiro, não foi encontrado corpo e nem vestígios que comprovem a morte de Eliza. Pelo que sei, foi encontrado apenas sangue no carro. Como então, tantas pessoas continuam presas? Segundo, o menor que denunciou o caso é mentiroso e envolvido com drogas (palavras ditas pela própria mãe), como então esse menor foi condenado por um crime não comprovado? O material apreendido no computador de Eliza, como e-mails e conversas entre ela, advogados e outros jogadores, porque isso não foi divulgado? Porque o exame que Elisa fez para comprovar que Bruno a teria forçado a tomar comprimidos abortivos e que deram negativos também não foram divulgados? E eu gostaria de saber quando é que Bruno e todas as pessoas presas vão dar sua versão do desaparecimento de Eliza. Esse comentário não é necessário ser postado.

    ResponderExcluir
  2. licinia albuquerque13 de agosto de 2010 23:43

    Em todo esse caso, uma dúvida sempre ficou na minha cabeça: O Promotor Público disse que no depoimento do menor J haviam detalhes sobre como tudo aconteceu,inclusive, o menor soube identificar "uma fenda no dente de Nenen(ou Bola). Só que o menor, também, disse, neste mesmo depoimento que Nenen(ou Bola) era NEGRO. Mais tarde, retificou dizendo que havia se equivocado quanto a cor da pele de Nenen(ou Bola) porque no dia do fato, lá na casa, ele estava aterrorizado. Como ele "identificou uma fenda no dente de Nenen(ou Bola)" e não conseguiu distinguir entre a cor NEGRA ou BRANCA para identificar a cor da pele de Nenen(ou Bola)??? Se ele estava "aterrorizado" para identifcar a cor da pele, não estava, também, aterrorizado para identificar uma fenda nos dentes?? Npote-se que ele mudou da cor NEGRA para BRANCA, como sendo a cor da pele de Nenen, DEPOIS que Bola foi preso.

    ResponderExcluir
  3. Por que o primo de Bruno Sérgio disse isso?
    " Perguntado
    Se deseja relatar o que lhe aconteceu quando estava acautelado nas dependências do complexo presidiário Nelson Hungria, RESPONDEU " Ô doutor, fica só entre nós dois".

    ResponderExcluir
  4. A ler os depoimentos expostos, chego a conlusão que nossa justiça deve ser reformada com a maxima urgência, tanto no judiciário como na policia, entendo que se não há corpo nem indicios no local do suposto crime que alguem ali tenha sido executado, como pode a policia dizer que tem provas materais do crime (pericia), a lei e para todos, assim porque os acusado ainda estão presos, eles tem residencia fixa, trabalho, são réus primarios, porque não respondem ao processo em liberdade, afinal a propria policia diz que todas as provas ja foram colhidas, ou a Justiça de Minas Gerais tem seu proprio codigo penal.

    ResponderExcluir
  5. Fica claro para todos que a suposta vitima Elisa Samudio ao se aproximar de Bruno ja tinha em mente um plano de como tirar dinheiro do mesmo, vendo que não obtinha exito em seu plano a mesma, a mesma foi a midia e caluniou Bruno, ivnetou historias e o povo acreditou, como também acredito que esta moça não estja morta, ela simplesmente desapareceu, pretendia voltar, mas com os acontecimentos fica claro que ela não vai voltar, depois se acredita num depoimneto de um jovem drogado, e coloca inocentes na cadeia, pois pra mim são inocentes, até que apareça o cadaver de Elisa Samudio, e novamente a Justiça vai cair no mesmo erro do passado, condenar um inocente.

    ResponderExcluir